NO PAIN NO GAIN
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Fisiculturismo e o cardiovascular

3 participantes

Ir para baixo

Fisiculturismo e o cardiovascular Empty Fisiculturismo e o cardiovascular

Mensagem por Franco Columbu Qua Abr 18, 2012 9:50 am

Fisiculturismo e o cardiovascular

Há dois tipos fundamentais diferentes de resistência: muscular e cardiovascular.

Resistência muscular é a capacidade do músculo para contrair-se repetidamente durante o exercício e recrutar o número máximo de fibras para realizar esse exercício. Por exemplo, durante a realização de agachamentos pesados, você fadiga fibras musculares da perna tão rapidamente que, se quiser completar uma série inteira, necessitará de fibras musculares que se recuperem rapidamente e precisará ativar fibras adicionais durante a realização da série.

Resistência cardiovascular é a capacidade do coração, dos pulmões e do sistema circulatório para transportar oxigênio para os músculos para abastacer mais exercícios e eliminar resíduos (ácido lático).

Embora esses dois aspectos de resistência sejam distintos, também estão associados. De que adianta ter uma capacidade cardiovascular bem-desenvolvida se os músculos que você está usando em um esforço não puderem manter o ritmo e falharem? E como será seu desempenho se seus músculos tiverem uma capacidade de resistência enorme, mas seu sistema circulatório não conseguir transportar o oxigênio de que eles necessitam?

Quase todo mundo compreende que você aumenta a capacidade cardiovascular realizando volumes altos de exercício aeróbio - exercício que faz com que você respire bastante, seu coração acelere e você possa continuar por longos períodos de tempo. Ao fazer isso, você:

aumenta a capacidade dos pulmões para absorver oxigênio do ar e transferi-lo para a corrente sangüínea;
aumenta a capacidade do coração para bombear grandes volumes de sangue através do sistema circulatório e para os músculos;
aumenta a quantidade e o tamanho dos capilares que conduzem sangue para músculos específicos;
aumenta a capacidade do sistema cardiovascular para eliminar ácido lático (que causa a sensação de queimadura nos músculos durante um exercício intenso) dos músculos.


Aumenta-se a resistência muscular realizando um volume relativamente alto de contrações musculares. Ao fazer isso, você:

aumenta o tamanho e a quantidade de capilares nos músculos específicos que estão sendo treinados;
aumenta a capacidade dos músculos para armazenar glicogênio (carboidrato), que é necessário para produzir energia para contrações musculares;
aumenta a massa das mitocôndrias do músculo (produtores de energia), que criam substâncias como ATP sem glicogênio, o qual foi usado para abastecer as contrações musculares;
aumenta o desenvolvimento do tipo de fibra muscular mais envolvido no exercício de resistência.

Como lembrete, há basicamente dois tipos de fibra muscular (bem como vários tipos de fibras intermediárias entre eles):

A fibra branca, de contração rápida, é uma fibra de potência anaeróbia que se contrai intensamente por períodos curtos, mas possui pouca resistência e um período de recuperação relativamente longo.
A fibra vermelha, de contração lenta, é 20% menor e não é tão potente quanto a fibra branca, mas é aeróbica e pode continuar contraindo-se por longos períodos enquanto houver oxigênio suficiente disponível.

Devido ao treinamento de fisiculturismo contar com um volume maior (séries e repetições) de esforço do que, digamos o levantamento de peso, ele tem alguns benefícios cardiovasculares e também leva a um aumento em resistência muscular. Os fisiculturistas tendem a treinar em um ritmo que está ligeiramente abaixo da limiar de falha cardiovascular - isto é, treinam o mais rápido que podem sem sobrepujar a capacidade do corpo para fornecer oxigênio aos músculos. Isso não os torna automaticamente bons em atividades de resistência, tais como correr ou andar de bicicleta, mas os mantêm em muito boa forma cardiovascular. Quando se refere aqueles outros tipos de atividade, você está tratando de especificidade de treinamento e especificidade de adaptação física. Você tem de treinar em uma bicicleta para ser bom nisso. Precisa trabalhar com corrida para melhorar sua habilidade como corredor. Contudo, um fisiculturista bem-treinado geralmente estará em forma suficientemente boa para sair-se bem nesses tipos de exercícios e mostrar uma melhora considerável muito rapidamente, cuidando para que seu tamanho e peso corporal não sejam fatores tão negativos.

Sempre acreditei que a resistência cardiovascular é quase tão importante para um fisiculturista quanto a resistência muscular. O treinamento intenso resulta em melhor produção do ácido lático no músculo em uso - um subproduto do processo que produz energia para contração muscular. Se o coração, os pulmões e o sistema circulatório forem capazes de fornecer oxigênio suficiente para a área, o ácido lático será reprocessado pelo corpo em uma fonte de energia; se não, ele poderá provocar falha na contração muscular.

Sempre gostei de correr vários quilômetros por dia para desenvolver minha capacidade aeróbia. Alguns fisiculturistas, no entando, acham que correr não os satisfaz ou faz com que tenham problemas com as pernas e os tornozelos, então procuram outras maneiras de desenvolver condicionamento cardiovascular - utilizando bicicletas ergométricas, esteiras, steppers, e outros tipos de equipamento aeróbio. O fato é que, quando melhor condicionado estiverem o coração, os pulmões e o sistema circulatório, mais treinamento intenso você será capaz de realizar na academia e mais progresso fará como fisiculturista.



Autor: Arnold Schwarzenegger
Franco Columbu
Franco Columbu
Franguinho
Franguinho

Mensagens : 137
Reputação : 19
Data de inscrição : 12/04/2012

Ir para o topo Ir para baixo

Fisiculturismo e o cardiovascular Empty Re: Fisiculturismo e o cardiovascular

Mensagem por EduardoPonde Qua Abr 18, 2012 10:24 am

Tópico movido para a área correta.
EduardoPonde
EduardoPonde
Admin
Admin

Mensagens : 568
Reputação : 24
Data de inscrição : 12/04/2012
Idade : 29
Localização : Rio de Janeiro
Braço : 40+

Ir para o topo Ir para baixo

Fisiculturismo e o cardiovascular Empty Re: Fisiculturismo e o cardiovascular

Mensagem por feliperuani Sex Maio 04, 2012 11:34 pm

que bom que eu jogo futebol no jogo respiro rapido pra krl acho que é por isso que nao canso tao rapido na academia bom saber
feliperuani
feliperuani
Frango
Frango

Mensagens : 382
Reputação : 14
Data de inscrição : 14/04/2012
Idade : 25
Localização : Cuiabá
Altura : 1,75
Braço : 35

https://www.facebook.com/felipeaugusto.ruani

Ir para o topo Ir para baixo

Fisiculturismo e o cardiovascular Empty Re: Fisiculturismo e o cardiovascular

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Ir para o topo Ir para baixo

Ir para o topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos